Álex Marque xa ten equipa

O ciclista estradense troca o Efapel polo LA-Alumínios Antarte, co que tentará a vindeira tempada, xa con 34 anos, revalida-lo título da Volta a Portugal acadado no 2013.

A piques de cumprir 34 anos (o vindeiro día 23), o estradense Álex Marque inicia umha nova etapa no ciclismo português. Como anunciara hai un mes, deixa o Efapel, co que foi terceiro na última Volta a Portugal, e será o xefe de filas do LA Alumínios-Antarte, co que tentará revalida-lo título acadado na Grandíssima no 2013.

Alejandro Marque tinha varias ofertas do país vecinho enriba da mesa, mais finalmente decantouse pola de LA Alumínios-Antarte, terceiro clasificado na xeral por equipas da pasada Volta a Portugal, tralo OFM-Quinta da Lixa de Gustavo Veloso e Delio Fernández e o Efapel, que apostará na vindeira campaña por Jóni Brandao, segundo na Volta lusa.

“Agradeço ao Mário Rocha (director deportivo) por ter apostado em mim, estou muito contente em pertencer a esta equipa que se demostra com uma enorme união e creio que vou ter condições para mostrar de uma forma mais vincada o meu valor. Tenho procurado a vitória na Volta a Portugal e ambiciono alcançá-la com a LA Alumínios-Antarte”, afirma Álex Marque.

Umha “vasta experiência no pelotâo nacional”, destaca o seu novo club no comunicado co que anunciou a chegada de Álex Marque. Será xa a oitava equipa lusa na extensa carreira do ciclista galego, dende que no 2004 emigrase do Estradense a Portugal: Banco Bic Carmin, Onda, Palmeiras Resort Tavira, Imoholding Loulé, Boavista, Quinta da Lixa e Efapel.

O LA Alumínios-Antarte fai umha forte aposta polo ciclista estradense, xa que a equipa de Mário Rocha só contaba com ciclistas portugueses nas súas filas e nom fichaban estranxeiros. Esta mesma semana, o club de Paredes anunciou a renovación de Hernâni Brôco, de 34 anos, mais perdía a Sergio Sousa, que emigrou ó Vorarlberg austríaco. Sergio Sousa (7º), Hernâni Brôco (9º) e Amaro Antunes (10º) foron os 3 ciclistas do LA-Alumínios Antarte no top-ten da última Volta a Portugal. Con Álex Marque tentarán dar um salto cualitativo e loitar pola clasificación individual na Grandíssima 2016. Falta agora por conhece-lo futuro dos outros 3 ciclistas galegos no pelotóm português: o estradense Óscar González, companheiro de Álex Marque no Efapel en 2015, e o de Gustavo Veloso e Delio Fernández, as estrelas do OFM-Quinta da Lixa.